27 de out de 2010

O preço que se paga às vezes pode ser alto demais.

É uma atitude impensada

São palavras que machucam

A cabeça quente

Tudo acontece em uma fração de segundos

E no final, depois da tempestade

Você vai tentar reparar os danos

Que talvez, não tenham reparos.

22 de out de 2010

Eu na qualidade de humana

Cometo erros e tenho meus defeitos

Sou feita de carne e osso, e não uma marionete.



Quer perfeição?



Vai procurar algo que não tenha vida.

20 de out de 2010

Música do momento ( dias que canto essa música)

Por Enquanto (Renato Russo)


Mudaram as estações e nada mudou

Mas eu sei que alguma coisa aconteceu

Está tudo assim tão diferente

Se lembra quando a gente chegou um dia a acreditar

Que tudo era pra sempre

Sem saber

Que o pra sempre,

sempre acaba!

Mas nada vai conseguir mudar o que ficou

Quando penso em alguém

Só penso em você

E aí então estamos bem

Mesmo com tantos motivos pra deixar tudo como está

nem desistir, nem tentar

Agora tanto faz

Estamos indo de volta pra casa


Quando me pego estou cantando, linda na voz de Cássia Eller.

8 de out de 2010

O sapo e o boi

Há muito, muito tempo existiu um boi imponente. Um dia o boi estava dando seu passeio da tarde quando um pobre sapo todo mal vestido olhou para ele e ficou maravilhado. Cheio de inveja daquele boi que parecia o dono do mundo, o sapo chamou os amigos.
– Olhem só o tamanho do sujeito! Até que ele é elegante, mas grande coisa; se eu quisesse também era.
Dizendo isso o sapo começou a estufar a barriga e em pouco tempo já estava com o dobro do seu tamanho normal.
– Já estou grande que nem ele? – perguntou aos outros sapos.

 
– Não, ainda está longe!- responderam os amigos.


O sapo se estufou mais um pouco e repetiu a pergunta.

 
– Não – disseram de novo os outros sapos -, e é melhor você parar com isso porque senão vai acabar se machucando.

 
Mas era tanta vontade do sapo de imitar o boi que ele continuou se estufando, estufando, estufando – até estourar.

Moral: Seja sempre você mesmo.


(Fábulas de esopo)

Preconceito



O preconceito que existe na cabeça das pessoas.

Por mais que alguém diga que não tem preconceito em relação a algo ou alguém, é mentira agente sempre vai ter uma resposta pronta, mas nunca uma aceitação em relação a alguém especial.

Alguns nem são capazes de olhar a pessoa, imagine interagir, cuidar ou colocar-se no lugar da pessoa.

Ninguém tem culpa de possuir alguma necessidade especial, não pediram pra nascer assim e na verdade ser diferente é normal, não é normal ser igual aos outros.

Alguns se julgam tão perfeitos e acabam esquecendo que no final das contas acabamos virando comidinha.

5 de out de 2010

Dez Coisas que Levei Anos Para Aprender


1. Uma pessoa que é boa com você, mas grosseira com o garçom, não pode ser uma boa pessoa.

 
2. As pessoas que querem compartilhar as visões religiosas delas com você, quase nunca querem que você compartilhe as suas com elas.

3. Ninguém liga se você não sabe dançar. Levante e dance.

4. A força mais destrutiva do universo é a fofoca.

 
5. Não confunda nunca sua carreira com sua vida.

 
6. Jamais, sob quaisquer circunstâncias, tome um remédio para dormir e um laxante na mesma noite.

 
7. Se você tivesse que identificar, em uma palavra, a razão pela qual a raça humana ainda não atingiu (e nunca atingirá) todo o seu potencial, essa palavra seria "reuniões".

8. Há uma linha muito tênue entre "hobby" e "doença mental".

9. Seus amigos de verdade amam você de qualquer jeito.

 
10. Nunca tenha medo de tentar algo novo. Lembre-se de que um amador solitário construiu a Arca. Um grande grupo de profissionais construiu o Titanic.



Luís Fernando Veríssimo
Quer assistir um programa bem cultural?

Assista a fazenda 3, o pessoal super educado e nem falam palavrão.

Como exemplo tem a Monique Evans que deu um show de palavras “cultas”, nunca ouvi tanta palavra bonita junta.